Muito Além do Planejamento, Novas Diretrizes para o Negócio

No artigo anterior eu discorri sobre esse momento Cisne Negro que estamos vivendo. Não pelo viés da pandemia em si, já que existem centenas de profissionais mais capacitados para tratar de infectologia e epidemiologia. Meu foco é em como a Transformação Digital se revelou de maneira inevitável e avassaladora, independente de quem acredita ou não acredita que ela está em curso. Ainda não é possível especular sobre como será o tal do “Novo Normal”, mas certamente enfrentaremos grandes mudanças sociais.

Diante disso tudo, a grande questão para empresários, empreendedores e gestores é: como sua empresa pode sobreviver em tempos de incerteza?

Antes de tudo, o momento é uma excelente oportunidade para reavaliar negócios, marcas e carreiras. Talvez sua empresa tenha nascido há alguns anos de uma ideia brilhante. Talvez ela tenha sido planejada e lançada no ano passado. Sejam essas ou outras situações, existem grandes possibilidades de as premissas onde se fundamentam os seus negócios terem mudado significativamente. Algumas podem ter melhorado enquanto outras pioraram, algumas desapareceram e novas premissas surgiram.

Sinceramente, é provável que adaptar o seu planejamento atual vai te dar muito trabalho. Decerto ele foi elaborado para um cenário socioeconômico que não existe mais. Estamos em meio ao maior choque econômico desde a II Guerra Mundial. Em muitos casos será melhor rasgar o planejamento atual e recomeçar do zero. Se a sua empresa está fechada nesse momento, a motivação e a necessidade são ainda maiores.

Nesse contexto, a primeira decisão que um empresário ou gestor precisa tomar é: o seu produto ou serviço ofertado continua sendo relevante?

Existem diversas novas metodologias e técnicas para idealizar, planejar e gerir um negócio. O método ágil denominado Business Model Generation utiliza um quadro (Canvas) simples onde organiza as principais diretrizes do negócio. A diretriz mais importante e de onde se inicia o processo é a Proposta de Valor.

 

Qual é a Proposta de Valor do seu negócio?

Seja sincero agora: o foco do seu negócio está no seu processo de produção? Ou o foco está nos produtos e serviços? Preciso te dizer que, se você respondeu afirmativamente a uma destas questões, seu negócio ainda está na Era pré-digital. O foco agora é na Experiência do Consumidor. Olhando pela perspectiva do “copo meio cheio” a pandemia de Covid-19 está te empurrando em direção à Transformação Digital quer você queira ou não. O primeiro conselho é: aproveite todos os dias para aprender algo novo que possa ajudá-lo a reformular seu caminho. Existem dezenas de canais como este para te orientar. Se tiver verba e tempo, invista num curso sobre o assunto. Quanto mais você puder se capacitar e entender esses novos tempos, melhor será para você e seus negócios.

Por falar em negócios, é imprescindível gerenciar a continuidade (ou não) deles. É o momento de encontrar respostas urgentes para a crise. Talvez a resposta para seu negócio seja fechá-lo definitivamente caso ele não esteja alinhado às novas demandas. Essa seria a oportunidade de deixar o velho ir embora para dar espaço ao novo. Infelizmente, mesmo após 3 meses de enfrentamento dessa crise, poucos perceberam a necessidade de mudar. Esse artigo do Inovação Aberta mostra que 2/3 das empresas não adotou nenhuma mudança ainda.

Outra possibilidade é pivotar. Esse termo, característico da metodologia Lean, prevê uma mudança de rota para a empresa. Recentemente escutei o relato de um empresário que fornecia pratos, talheres, bandejas e afins para hotéis. Com a quarentena e a consequente redução de reservas e hospedagens na rede hoteleira, o negócio dele foi ao chão. Foi ai que ele teve a ideia de pivotar para fornecer os mesmos artigos para hospitais, onde a demanda está altíssima. Resultado: mesmo em meio à crise ele está conseguindo recuperar a empresa.

Recuperar é outro termo importante nesse contexto. nas próximas semanas haverá uma retomada gradual das atividades comerciais. Após ter reorganizado sua Proposta de Valor, você precisará elaborar um plano de retomada. Ao menos por todo este ano, haverá medidas de segurança e distanciamento em vigor. Como ficará o layout de seu escritório ou do seu estabelecimento comercial? Como mudará a sua logística? Quais medidas você vai adotar para a segurança de seus colaboradores e clientes? O que você vai fazer para adotar um modelo operacional que se acomode ao extremo nível de incerteza?

Se tivéssemos governantes responsáveis eles estariam elaborando um plano de retomada nesse momento, mas todos eles estão brincando de déspotas irresponsáveis. Então preciso te dizer que você precisará buscar essas soluções sozinho ou com seus pares, colaboradores e até concorrentes. Seu modelo de negócio será construído juntamente a um plano de gestão de crises.

A fase seguinte será a da sustentação, onde os negócios voltam a fluir. Alguns segmentos poderão experimentar uma explosão de consumo enquanto outros vão amargar uma retomada lenta. Procure entender como está o seu mercado e planeje cenários otimistas e pessimistas. Em todas essas ações, seu radar precisará estar funcionando em alerta total. A única certeza é de que tudo pode mudar a qualquer momento.

Não será fácil, mas certamente sairemos mais fortalecidos e capacitados! Concorda?

Muito Além do Planejamento, Novas Diretrizes para o Negócio