Quantas oportunidades de negócios o seu site está gerando?

O número de domínios brasileiros (.br) registrados está se aproximando de 4 milhões. Não vou entrar no mérito de comparar este volume com o número de empresas registradas, muito menos de comparar com o volume de domínios registrados nos EUA. Também não vou falar sobre a grande porcentagem de domínios registrados que não possuem nenhum site publicado. Vamos falar apenas dos sites que estão ativos.

Sempre que faço pesquisas aleatórias sobre um determinado segmento de mercado me surpreendo com a quantidade de sites completamente ultrapassados e sem propósito. Aqueles sites no desgastado padrão “Quem Somos / O Que Fazemos / Fale Conosco”. Esse foi o paradigma dominante nos sites criados na década de 1990, mas de lá para cá, muita coisa mudou.

No estágio atual em que se encontra o Marketing Digital, a função essencial de um site é disponibilizar meios de converter visitas em oportunidades de negócio. Se o site de sua empresa não está cumprindo essa tarefa, algo está muito errado.

 

Qual o objetivo do seu site?

Esta é a pergunta a ser feita antes de iniciar qualquer projeto de desenvolvimento de um site. O site precisa ser orientado à geração de negócios, mas especificamente quais negócios e como? Isso significa que é mandatório elaborar um planejamento com objetivos e estratégias antes de iniciar a criação de site. Além do site propriamente dito, também é necessário planejar as ações integradas com outras mídias e canais. Este é o princípio elementar da Presença Digital.

 

Site orientado à conversão

O conceito de conversão é fazer com que o visitante execute alguma tarefa dentro dos ambientes do site. A venda direta é um tipo de conversão, mas diversas outras ações podem ser definidas para gerar interação: preencher formulários, assinar newsletter, assistir vídeos, fazer downloads, clicar em links, compartilhar conteúdos, etc.

O tipo de tarefa depende do estágio em que o visitante se encontra em relação à consciência da marca, produto ou serviço e o estágio da decisão de compra. Para identificar precisamente estes momentos do visitante, existe o funil do marketing digital.

O Funil representa o caminho pelo qual um potencial cliente trafega desde conhecer  a empresa até o momento em que ele se torna um cliente ativo. Ao longo deste caminho existem alguns status que descriminam o estágio em que o relacionamento se encontra:

Suspect: É simplesmente um suposto comprador dos produtos ou serviços que possivelmente se enquadra no perfil do público-alvo.

Prospect: Se aquele suspect demonstra algum interesse de compra nos produtos ou serviços, ele pode ser considerado um prospect.

Leads: São aqueles prospects com interesse e capacidade de comprar, porém ainda não estão prontos para o negócio. Por isso é necessário iniciar um relacionamento para convencê-lo da compra.

Leads Qualificados : O relacionamento com os Leads através de conteúdo útil e relevante poderá levá-lo ao estágio de maturidade para a compra. Esta etapa pode ser subdividida em Leads qualificados por Marketing e por Vendas.

Neste momento a equipe de vendas faz a abordagem comercial e inicia-se a fase de negociação e fechamento do negócio. Podem existir variações de significados entre estes conceitos dependendo das metodologias da empresa ou linha acadêmica adotada.

 

Uma andorinha só não faz verão

Da mesma forma um site sozinho não faz conversão. Mesmo com o processo extremamente resumido neste texto, fica evidente que o site requer recursos internos e ferramentas externas para potencializar o aproveitamento das conversões geradas.

Como dito no início, não faz sentido que um site exista sem possuir estes conceitos essenciais aqui apresentados. A Presença Digital deve ser ativa, com todos os canais atuando em sinergia para gerar oportunidades de negócios. Pensando em seu site atual, quantas oportunidades de negócios ele está gerando?

Compartilhe conhecimento nas Redes Sociais!
Quantas oportunidades de negócios o seu site está gerando?

Siga-me nas Redes Sociais!

LinkedIn
Facebook
Facebook
Instagram