Análise Multidimensional em projetos de Presença Digital

Dizer que as mídias digitais possuem a vantagem de terem sua audiência total e precisamente monitorada já é algo que todos os gestores de projetos, empreendedores e empresários devem estar mais do que cientes. No atual estágio em que a web se encontra é inadmissível que ainda existam ambientes e ações sendo executadas sem mensuração de resultados. Ferramentas gratuitas e cursos online estão aí para eliminar qualquer justificativa à ausência de estatísticas e análises nos projetos online.

Já publiquei neste blog alguns artigos discorrendo sobre a importância e a utilização de WebAnalytics em campanhas, ações e entidades digitais. Hoje pretendo entrar em um nível de detalhe mais profundo, envolvendo conceitos de Business Intelligence que irão agregar muito mais valor à mensuração de resultados nas mídias digitais e sociais.

As principais ferramentas de WebAnalytics fornecem uma série de dados no padrão Dimensão X Métrica, onde dimensão é um atributo descritivo que irá classificar e definir as informações;  e métricas são elementos individuais de uma dimensão podendo corresponder a um valor numérico ou porcentagem. Embora dimensões e métricas possam ser independentes, elas normalmente são usadas em conjunto. As relações entre esses valores são os responsáveis por dar significado aos dados.

Para conseguir informações um pouco mais apuradas, as ferramentas de WA dispõem de recursos que podem associar uma dimensão a mais de uma métrica. Também é comum entregarem dados com níveis hierárquicos exploráveis (Drill down / Drill Up) a fim de compreender informações mais amplas ou específicas. Este universo de análise já possibilita uma gama imensa de possibilidades de análises e obtenção de informações críticas sobre o desempenho de campanhas e mídias, mas ainda é possível ir muito além.

Ao trazer os conceitos de BI passamos a observar os dados a partir do Fato, ou seja, métricas resultantes dos eventos de negócios. Neste contexto as Dimensões são qualquer visão do negócio que faça sentido para análise e os Fatos são medidas de negócio, ou seja, as dimensões são eventos específicos dos Fatos. Por exemplo, para o Fato Vendas, podemos ter a dimensões Produtos, Clientes, Valores, Lojas e Tempo. A partir do Fato são extraídas as métricas que são cruzadas com os dados das Dimensões, criando informações significativas para a análise.

Dessa forma, a modelagem multidimensional permite cruzar as informações dos dados principais (Métricas) com os dados periféricos (Dimensões), possibilitando uma análise das informações por diferentes visões. Em modelos bidimensionais os dados são apresentados em planilhas comuns de Excel, porém na análise multidimensional é necessário exibi-los em formato tridimensional, ou seja, em um Cubo de Informações.

Como eu já disse, as ferramentas específicas de WA não possuem esta capacidade, portanto se faz necessária a utilização de sistemas próprios de BI que viabilizam ao usuário final analisar inúmeros cenários, gerar relatórios “ad-hoc” e descobrir tendências e insights relevantes ao negócio. As soluções existentes no mercado são diversas e devem ser muito bem estudadas e adequadas ao escopo do projeto, infraestrutura e tipos de dados.

Nesta Era da Informação em que vivemos não há dúvidas de que transformar dados em informações úteis e relevantes é a atividade mais importante de qualquer corporação. No entanto, os profissionais que trabalham com dados sabem que é muito mais fácil armazená-los em bancos do que retirá-los de forma estruturada. Por este motivo é fundamental elaborar um planejamento criterioso antes de se iniciar qualquer projeto de WebAnaytics, seja fundamentado em ferramentas de BI ou não.

Análise Multidimensional em projetos de Presença Digital
error

Siga-me nas Redes Sociais!

LinkedIn
Facebook
Facebook
Instagram